Péricles defende agricultura familiar

Péricles fala sobre o retrocesso contra políticas de reforma agrária em Audiência na Cidade de Porto Barreiro

O Brasil vive hoje um período de grande retrocesso no que diz respeito às políticas de incentivo à agricultura familiar, com cortes no orçamento para 2018 da ordem de 99% no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), Crédito Fundiário, obtenção de terras, apoio a organização econômica, entre outros.

Para se contrapor a essas políticas recessivas, o deputado Péricles tem percorrido vários assentamentos e acampamentos do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), faxinais, comunidades de posseiros, quilombolas e feito visitas à instituições de apoio aos produtores.

“Os pequenos agricultores e pecuaristas dão enorme contribuição econômica ao Paraná, são responsáveis por 70% dos alimentos que chegam à mesa da população, mas não encontram suporte necessário dos governos. Em algumas cidades como Pinhão e Porto Barreiro, acampados produzem há mais de duas décadas, mas ainda não têm a posse da terra. Em Castro e Ponta Grossa, há situações parecidas. A criminalização dos movimentos sociais deve acabar e temos que construir políticas públicas que valorizem a agricultura familiar”, diz o deputado.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *